Inovadores com Menos de 35 Anos Brasil A edição em português da MIT Technology Review escolhe aos 10 inovadores com menos de 35 anos

Ronaldo Tenório, 30

Criou uma plataforma de tradução para a linguagem de libras

Hand Talk

Ronaldo Tenório.Crédito:Nissan

Ronaldo Tenório criou uma plataforma que traduz texto, som e imagem para a linguagem de libras, a Hand Talk, com o objetivo de levar a inclusão social para os deficientes auditivos.Usando a tecnologia 3D e estudos de linguagem corporal, ele desenvolveu um boneco, o Hugo.

Hugo é magro, tem a  cabeça grande e os dedos finos para facilitar a gesticulação. É ele quem faz a interlocução entre o Hand Talk e os deficientes auditivos. Em 2008, na faculdade de Comunicação Social e Publicidade, Ronaldo Tenório desenvolveu o conceito do Hand Talk para um trabalho acadêmico no qual tinha que criar um novo produto. Para isto usou o conhecimento adquirido nos três anos do curso, não concluído, de Ciência da Computação e criou um sistema de tradução para computadores. Porém, somente quatro anos depois, com o aperfeiçoamento da tecnologia dos aplicativos, é que a ideia saiu da gaveta e começou a se tornar realidade. 

Com a ajuda da Associação de Surdos de Maceió, Alagoas, e de seus sócios, foi desenvolvido o primeiro aplicativo, um  protótipo. “Tínhamos o desafio de resolver o problema, mas não a ideia do impacto que ela ia causar, então desenvolvemos o protótipo e apresentamos no Desafio Demo Day Alagoas. O objetivo era validar o projeto”, afirma Tenório. Eles ganharam o prêmio como a melhor startup do estado, receberam o primeiro aporte financeiro de um grupo de investidores e concluíram o desenvolvimento do aplicativo.  

Para promover o acesso à informação e a acessibilidade na internet para os deficientes auditivos também desenvolveram a plataforma web. Hugo já traduz as notícias para a linguagem de libras em 2 mil sites. Outro produto da Hand Talk é o QR Code acessível que chama o Hugo para fazer a tradução em meios impressos como livros, totens, publicidades e etc.

O próximo passo é que o Hugo aprenda outras línguas e esteja presente em outros países, começando pelo inglês e nos Estados Unidos.  “A chancela do MIT é muito importante para atrair investimentos de empresas americanas para esta nova fase do Hand Talk”, diz Ronaldo.

Carlos Ganem, da Finep – Financiadora de Estudos e Projetos, do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, comemora a escolha do projeto como um dos Inovadores com menos de 35 anos Brasil 2015. “O país carece de tecnologias e soluções assistivas. Esta é uma iniciativa de empreendedorismo social que o Brasil precisa, principalmente por ser fora do eixo Rio – São Paulo”, comenta.-Ricardo Meyer

Ganhadores do Inovadores com menos de 35 anos Brasil

Diego Aranha

Criou uma plataforma para que a sociedade fiscalize o resultado das eleições

Danielle Brants

Ela desenvolveu um jornal digital que traduz as notícias para a linguagem infantil

Marcelo Cicconet

Desenvolveu um aplicativo para facilitar o aprendizado da música e um novo instrumento musical

Tallis Gomes

Desenvolveu um aplicativo de táxi que revolucionou a mobilidade urbana

Anielle Guedes

Ela criou uma startup que vai usar impressão 3D para construir moradias de baixo custo

Mateus Mendonça

Criou um sistema para rastrear e organizar a cadeia do lixo usando a tecnologia

Fabio Piva

Criou uma nova tecnologia para o comercio móvel que permite às lojas físicas eliminarem as filas

Ronaldo Tenório

Criou uma plataforma de tradução para a linguagem de libras

Para deixar seu comentário, por favor, regístrate ou efetue seu login

Esqueceu sua senha?

Publicidade
Publicidade
Publicidade