Negócios

Bitcoin Busca Nova Vida na África

(Página 2 de 2)

  • Quinta-Feira, 22 de Março de 2012
  • Por Tom Simonite
  • Tradução por Elisa Matte (Opinno)

Esta situação é parte da razão para o sucesso precoce do sistema de pagamento por telefonia móvel na África, como M-Pesa do Quênia, que permite aos usuários enviar dinheiro uns aos outros usando mensagens de texto. Koch acredita que os pagamentos móveis construídos em torno do Bitcoin poderiam ser ainda mais úteis. "É interessante ver quão criativos os africanos pode ser sobre a transferência de dinheiro", diz Koch. "Eles realmente pensam serio sobre uma sociedade sem dinheiro."

Tecnologia Open-source (aberta) criada pela comunidade Bitcoin poderia ser usada para criar aplicativos móveis simples para pagamentos acessíveis a praticamente qualquer telefone com uma câmera, diz Koch. O uso de smartphones está crescendo rapidamente em alguns países africanos, particularmente no Quênia, conforme os preços dos modelos usando o software Android, do Google caem rapidamente. Ele imagina um desenho semelhante ao aplicativo Bitcoin for Android, que permite que uma pessoa transfira bitcoins para outra usando um telefone para tirar uma foto de um código de barras 2-D ou código QR na tela de outro telefone. "As pessoas podem trocar dinheiro quando se encontram na rua", diz Koch.

A concepção descentralizada de Bitcoin significa um sistema de pagamento que utiliza a moeda poderia facilmente atravessar as fronteiras nacionais e que poderiam evitar interrupções em todo o sistema, como as sofridas por M-Pesa em dezembro, que deixou os usuários incapazes de fazer negócios. "Todos os sistemas centralizados têm o mesmo problema", diz Koch. "Se você confiar neles e você não tiver uma maneira de pagar, então você está em apuros."

Tonny Omwansa, um acadêmico da Universidade de Nairobi, no Quénia, estuda os sistemas de pagamento e recentemente publicou um livro sobre o M-Pesa. "A baixa inclusão financeira, baixa penetração de serviços financeiros formais e o consumo e penetração dos telefones móveis tornam os pagamentos móveis muito valioso", diz ele. No entanto, observa ele, atualmente os usuários correm o risco de "dependência de um fornecedor que é monopolista."

Os pagamentos móveis construídos em cima do design descentralizado Bitcoin poderiam evitar esse risco. Mas Omwansa diz que, embora ele esteja familiarizado com o Bitcoin, a maioria das pessoas na África não está. "Dificilmente alguém que eu conheço já ouviu falar sobre isso", diz ele.

Para deixar seu comentário, por favor, regístrate ou efetue seu login

Esqueceu sua senha?

Publicidade

Vídeo

Inovadores com menos de 35 anos Brasil

Mais Vídeos

Informes Especiais

Uma Cura para os Gastos com Saúde

Os gastos com a saúde estão fora de controle. E a inovação em medicamentos, testes e tratamentos é o motivo. Mas e se a tecnologia pudesse ser uma forma de poupar dinheiro ao invés de gastá-lo?

Ganhando Com Dispositivos Móveis

Publicidade
Publicidade